Enquanto o Rodolfo viaja…

6a00e554b11a2e8833012876825ec5970c-400wi Oi, sou eu, o blog. É que o Rodolfo viajou para ver a família no Natal e eu fiquei aqui meio sozinho, largado. E como ele escreveu muito nesses últimos dias, eu ainda estou num ritmo meio frenético, acelerado.

Por isso vou aproveitar que ele não está para dizer o que EU penso. Acho que será a primeira vez que você lê um auto-blog, não é mesmo?

Felizmente o ano está acabando e os acessos caem um pouco com as festas. Cá entre nós, esse ano foi bem trabalhoso!

Dona Ana! Como vai a menina de cachos?

Primeiro porque o Rodolfo não parou quieto, escreveu pra burro! Aliás, desculpe, pra burro não… Escreveu para vocês, leitoras. Foram 118 textos em 2009. Mas o bacana foi que vocês também escreveram bastante para nós: mais de 500 comentários nesses doze meses!

Mas o que realmente me deu trabalho nesse ano foi a quantidade de gente que veio aqui! Tudo porque o Rodolfo resolveu clonar pequenas partes de mim para enxertar noutros sites, outros blogs. Aí esse pessoal não aguenta ver só um pedaço de mim e vem aqui conferir o resto.

Oi Balu, como vai?

Primeiro foi no Administradores, onde o Rodolfo conheceu o Leandro – o dono do site – depois de fazer um comentário mal-criadíssimo num texto dele. Mas os dois acabaram ficando amigos e ele passou a publicar lá alguns textos daqui do meu acervo.

Isso deu uma verdadeira turbinada na quantidade de curiosos que vinham aqui. Quando o Rodolfo fazia cobertura dos eventos da HSM eram mais de 800 acessos num único dia! Eu quase morria de cansaço… Mas foi muito legal, porque com o gigantesco tráfego lá do Administradores, volta e meia tinha um incauto que vinha aqui me conhecer. E, modéstia à parte, sempre acabam voltando.

Fala, Éder, tá sumido, hein?

6a00e554b11a2e8833012876826434970c-320wiLogo depois, ou um pouco antes, alguns textos começaram a sair também no Acerto de Contas, do Pierre, colega do Rodolfo na PUC. Com um público um pouco mais politizado, este site que partiu de Recife para o mundo sempre provocou debates bem interessantes em torno dos textos do Rodolfo.

E aí, Serpa, como vai o meu primo?

Claro que eu não tenho ciúmes! Eu sou o primeiro e tenho lugar cativo no coração das leitoras…

Acho que esse ano o Rodolfo soltou mais o verbo. Ele ainda estava um pouco acanhado no início, deixando o meu sobrenome meio sem sentido. Os textos começaram um tanto quanto assépticos, informativos demais. Sem dúvida que as informações eram riquíssimas, reunidas de várias fontes diferentes. Mas, ainda assim, o juízo continuava bem mais forte do que as opiniões.

Talvez o grande marco do ano tenha sido a série de textos sobre os Experimentos em Psicologia. Foram 13 posts – além da Introdução – onde ele falou dos maiores estudos da psicologia do século passado. Só não me pergunte de onde o Rodolfo tirou isso, porque eu não faço a menor idéia!

Miguel e Marcelo! Achei que vocês não viriam… Cadê o Leo?

Minhas queridas leitoras!!
Minhas queridas leitoras!!

Nomes engraçados como Milgram, Zimbardo e Skinner fazendo coisas estranhas com ratos e pombos, prendendo e soltando gente, dando choques uns nos outros… Eu, hein?! Deve ser coisas daqueles livros malucos que vive lendo. Esse ano, aliás, foram quase vinte que eu vi e que o meu colega da Amazon me confirmou.

Mas, no final das contas, parece que esta série teve algum tipo de efeito no Rodolfo. Como os conteúdos dos textos exploravam diversas variações do comportamento humano, acho que ele se sentiu mais seguro para pôr suas idéias para fora e expôr algumas opiniões – agora sim – mais fortes do que o seu juízo.

Ao menos assim, também, ele parou com aquela mania de ficar revisando os textos de meses atrás. Nunca vi mania mais esquisita! Até hoje ele edita posts do ano passado, vê se pode…

Ah, mãe dele, finalmente! O texto já estava acabando…

Esse ano ele também resolveu tentar fazer graça. Já escreveu um ou outro texto mais esculhambado e, volta e meia, faz uma piadinha mesmo dentro de um tema mais sério. Às vezes até que funciona – ou você acha que eu não percebo quando você dá umas risadinhas aí…?

Bom, ele volta depois do Natal e viaja novamente no Réveillon, mas acho que não vai escrever mais nada até o ano que vem. Quem sabe eu não volto aqui para conversar um pouco mais com vocês até lá…?

Um abraço, o blog.

12 pensamentos em “Enquanto o Rodolfo viaja…”

  1. Olá Rodolfo!
    Como vai?
    Meu caro, excelente texto.
    Este, me lembrou o primeiro texto que li no seu blog (diálogo do Rock Balboa).
    Parabéns pelo sucesso e muito obrigado por manter este blog ativo em 2009! Aprendi muito com vc.
    Feliz 2010!
    Abraço,
    Elessandro

  2. Adorei o texto… Mas, pô, blog, me chamar de “dona”!!!
    Manda aí um beijo pro Rodolfo, e avise a ele que aquela entrevista com o especialista em mudanças climáticas já está agendada… Após, voltarei para fazer meus comentários na série sobre a COP-15.
    Conhecer o blog e o Rodolfo foi uma das boas surpresas em 2009…Seja, quando concordamos, seja quando discordamos, sempre aprendo bastante! E, ó, eu tive a sorte de conhecê-lo pessoalmente e ele é mesmo inteligente, divertido, legal e muito gentil!
    Ah! Uma dica a quem vem aqui: as trilhas sonoras que de vez em quando ele sugere no twitter são imperdíveis!

  3. Parabéns Rodolfo. Os temas editados nesse blog tem sido realmente importantes. As matérias tem sido inteligentes atraindo comentários divergentes – o que é muito bom. Isso mostra que o blog é democrático e não mais uma ferramenta da direita. Alguns blogs formam grupos corporativistas, censurando a divergência e escondendo a verdade. Meus comentários são expontâneos. Não ganho dinheiro para fazê-los. Entretanto, ao refutar opiniões equivocadas (ou mentirosas), acabo sempre fazendo críticas ao capitalismo e ao neoliberalismo. É que eu também não posso evitar…

  4. Boas Festas!
    Meu segundo post aqui…
    Parabéns pelos textos do ano!
    Nathalia Andrade
    Aluna do 2º período de ADM – UFPB

  5. Querido e amado blog.
    Como vai?
    Só tenho uma coisa a dizer: OBRIGADO!
    Obrigado por tornar minha vida mais inteligente!
    Obrigado por abordar temas relevante!
    Obrigado por me fazer pensar que há mais do que um lado a analisar.
    Enfim, obrigado MESMO!
    Faz algum tempo que não comento. Isso é verdade. Mas SEMPRE estou por aqui.
    Grande abraço e um ótimo 2010 pra gente!
    Pra você e claro, pro Rodolfo!

  6. É muito bom encontrar vida inteligente no ciberespaço! Blog, o Rodolfo é O CARA! Parabéns pros dois! Um 2010 de muito sucesso, muita audiência e muitas lições para as leitoras e, também, para os leitores – afinal, não podemos evitar passar por aqui!
    Um abraço!

  7. Finalmente, “a mãe dele” se manifesta. Como sua leitora assídua, vou continuar dando os meus pitacos e, de vez em quando, uma maõzinha na revisão. Que se cumpra a profecia do George (entendeu???)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *